Palestra | Indústria de Defesa dos países do BRICS

Há alguns dias o Instituto de Estudos da Ásia organizou uma palestra com o Professor Antônio Lucena a cerca da Indústria de defesa dos países do BRICS. Em sua explanação o professor descreve sucintamente a situação brasileira, que tendo uma posição regional bastante forte e estável, sem um inimigo externo, teria decidido que o setor de Defesa Nacional seria dispensável para a sua projeção internacional – durante o governo do ex-Presidente Lula, a política foi revitalizada e o orçamento do Ministério da Defesa aumentou, mas voltou a cair com o governo Dilma. Outro fator que teria contribuído para o sucateamento da Indústria é que boa parte dos seus recursos são destinados a custear a folha de pagamento, fazendo com que os investimentos e produção e pesquisa fiquem bastante reduzidos.

Ao contrário de países como a Rússia, a China e a Índia, que já há algumas décadas viriam investindo pesadamente em pesquisa e tecnologia. A Rússia, utilizando o comércio de armas para fortalecer e estabelecer relações com outros países e aumentar sua projeção internacional; A Índia, que planeja se tornar auto suficiente, e atrelar o crescimento da Indústria de defesa com a o desenvolvimento econômico; A China, vinculando sua tradição de planejamento de longo prazo e investimentos massivos para desenvolver tecnologias internacionais, objetivando a ingerência de potências estrangeiras na região Asiática. A África do Sul seria a mais próxima do Brasil em termos de financiamento de pesquisa, mas a política de defesa estaria em um patamar fundamental para a estabilidade política e econômica pós-apartheid.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s